quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Express yourself

Liberdade e uma coisa estranha que só é lembrada quando está ausente...
É olhar pra noite e se imaginar lá dentro, sem medo, sozinho. E é olhar pra praia,
lotada, com medo de que roubem a sua. Liberdade.
Correr em pastos verdejantes na compania do invisível e se tornar o dono do mundo,
ou o filho dele.
Correr das trevas, que para nós é qualquer lugar onde não há privacidade, onde não
podemos ser nós mesmos.
No fim, o tesouro da liberdade acaba sendo um pouco fruto do nosso egoísmo.
Não por querer, essencialmente. É que misturamos liberdade com individualidade.
Ser livre não é ser sozinho e ter tudo que quiser. Seu edifício inteiro pode ser algo ou alguém...
Proteja seu edifício, mas não o impeça de ser livre também. Eis o cruel da liberdade. Você não é o único com direito à ela.